domingo, 9 de julho de 2017

Fate/Apocrypha #02

Bom antes de mais nada vamos com a notícia, foi confirmado que Fate/Apocrypha terá 25 episódios, o que é algo bom já que não vamos ter nada corrido, a outra notícia é que parece que a Netflix tem o direito da série mundialmente, então provavelmente quando ela acabar no Japão poderemos assistir (de novo) a série no Netflix aqui. Resta saber se vai ganhar uma versão dublada ou não, se a dublagem for no nível de One Punch Man, vai ser ótimo e vai dar gosto de assistir de novo, agora se for uma como a Little Witch Academia.... bem, tem a opção em áudio original pelo menos.

Mas vamos comentar sobre o episódio. Vamos começar com Astolfo, uma garotinha super animada que já encantou quem pegou a série desprevenido, isso porque Astolfo é na verdade um homem, mas mais do que isso é a mestre dele, que vai usar o servo para fazer outras coisas além de lutar. Voltando para o cemitério onde está Sisigo e Mordred, pudemos ver que realmente Mordred não se dá bem com o pai, mas tem o mesmo problema de ser tratada como mulher (mas de forma muito mais violenta). Eu gostei dessa Saber, e não paro de imaginar como seria se ela tivesse sido invocada para lutar lado a lado com o Shirou. Falando no Shirou, não posso deixar de citar o Kotomine Shirou. Lembro na época que ele apareceu na LN, todo mundo especulava que ele era o Shirou que a gente conhece, mas criado pelo Kirei, não é bem o caso. Para evitar spoilers para mim e para vocês, já adianto que esse Shirou não tem relação com o Emiya Shirou, é uma outra pessoa e pelo que li por cima tem um papel fundamental na história.

Sobre a história, ainda estamos no prelúdio, nós só conhecemos melhor os personagens já apresentados. Já deu para notar que a Igreja tem outros planos em mente além de ajudar a Associação de Magos, Mordred e Sisigo perceberam isso e preferiram seguir sozinhos, falando neles é interessante a forma que Sisigo luta, lembra vagamente o Kiritsugu, mas em vez de estar sempre fora do combate, Sisigo prefere atacar de frente com tudo e eu ainda continuo achando o design da Mordred muito bom, só acho estranho a roupa dela sem armadura e a roupa dela casual, é o fanservice falando mais alto mesmo. Já do lado da família Yggdmillennia, eu não pude deixar de notar a semelhança da forma como Vlad é tratado, lembra bastante a forma que o Gilgamesh é tratado pelo Kotomine. Outra personagem que me chamou a atenção foi a Berserker, eu só havia visto imagens dela quando o projeto Apocrypha tinha sido revelado e não fui procurar mais a respeito sobre ela, ela tem um design interessante, talvez o doutor Frankstein não estivesse procurando criar um monstro, mas uma esposa talvez? Isso explicaria o vestido de noiva. No final do episódio, Shirou convoca Lancer para acabar com a Ruler, bom se as suspeitas estavam próximas, acho que isso já confirma que Shirou tem algo maior em mente para matar o juiz da guerra.

Também não posso deixar de citar uma coisa que só percebi agora, Siegfried é dublado pelo Suwabe Jun'ichi, o mesmo que dubla o Archer de Fate/stay night. Assim como a Jack é dublada pela Sakura Tange que faz a Nero. 

Uma questão que ficou meio vaga foi a seguinte: 14 servos são invocados para lutar entre duas facções, quando a guerra acabar, o que vai acontecer com os servos restantes da facção? Isso é respondido nesse episódio, os remanescentes vão lutar entre si até que sobreviva apenas um servo. A outra dúvida que resta é: esse Cálice foi roubado na terceira guerra, mas será que ele está corrompido pelo Angra Mainyu? 

Uma outra coisa, o que vocês acham de eu voltar com o "Conhecendo os heróis"? Já que uma nova história começou e eu preciso voltar a escrever mais, seria como matar duas aves com uma pedra.

7 comentários:

Daniel Nicola disse...

Sim, volta!!!! Fate/Grand Order tá cheio de servo.

fghb disse...

Séria muito bom voltar com o "Conhecendo os heróis", vai tirar a duvida de muita gente, incluindo eu. kkk.

Vitu disse...

Volte sim, com o conhecendo os heróis, aproveita e faz de apocrypha mesmo

Rui disse...

Mais um aqui querendo o conhecendo os heróis 2.0 kkkkk

Rui disse...

E mais uma coisa, o Baner da Jean é lindo ... Mas ainda prefiro o da Sakura

Dragonslayer disse...

Achei o ep demais,a personalidade da Mordred melhor ainda,só ñ entendi por que nessa guerra os da classe assassin são outros servos,o graal não obrigava q todos os assasin fossem o Hassan-i-Sabbah?

EdRuah disse...

Gostei bastante do visual da série, está muito bem trabalhado. Um detalhe para o servo Frankenstein onde o nome do mesmo é justamente o nome do doutor e não do monstro. Na mídia surgiu o filme da "Noiva de Frankenstein", talvez o anime queira retratar essa parte da ficção.....não tenho certeza.

Outra coisa, gostaria de saber se haverá continuação do "Conhecendo os Heróis" pois é uma parte importante, visto que muitos não conhecem a história dos heróis da nova série. Eu particularmente não conheço o Siegfried.

Desde já agradeço pelo empenho e bom trabalho de toda a equipe que sempre traz o melhor da Type Moon para nós!!!!